Em campanha salarial, Sindicato realiza assembleia com trabalhadores da HT Micron e Teikon

A semana começou com mobilização para os metalúrgicos e metalúrgicas de São Leopoldo. O Sindicato realizou uma assembleia com os trabalhadores da HT Micron e Teikon nas primeiras horas da manhã desta segunda-feira (27) para divulgar os absurdos da proposta apresentada pelo sindicato patronal.

Os dirigentes entregaram para a direção das empresas um documento cobrando um posicionamento sobre a retirada de direitos. “Tem muitas empresas que são contra as propostas da patronal. Porém, os representantes que estão na mesa de negociação querem fazer de tudo para empurrar essa pauta goela abaixo”, avalia o diretor Anderson Macedo Gauer.

O STIMMMESL reivindica o índice da inflação, mais aumento e real e manutenção da Convenção Coletiva de Trabalho. A proposta apresentada pela patronal, na reunião do último dia 13, prevê a retirada do quinquênio e da garantia ao aposentando, homologação apenas na empresa, alterações na revista pessoal, no auxílio-estudante e na marcação do ponto, férias parceladas em três vezes, banco de horas individual e trabalho aos sábados, entre outras medidas que prejudicam os trabalhadores.

Nas falas, os diretores deixaram claro que não aceitarão retirada de direitos e ressaltaram a importância da unidade e da mobilização dos trabalhadores diante do ataque a categoria está enfrentando.

 

Fonte: STIMMMESL

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

quatro × cinco =

Whatsapp