Sindicado aprova acordos para Layoff em assembleia de metalúrgicos na Delga

 

Propostas foram discutidas  amplamente com a categoria e envolvem
manutenção de 13° e aumento no cartão alimentação dos trabalhadores

O Sindicado dos Metalúrgicos realizou assembleia, na manhã desta quinta-feira (25), onde discutiu com os trabalhadores as condições que negociou com a patronal para o Layoff de 90 dias que a Delga Soluções terá de aplicar aos trabalhadores da empresa, seguindo as medidas adotas pela GM, principal cliente da Unidadede São Leopoldo. Parte dos trabalhadores também sofrerão redução de jornada e de salários, mas terão suspensos os descontos de coparticipação da Unimed.

Conforme o presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Leopoldo e Região, Valmir Lodi,há notícias boas para serem compartilhadas com que trabalha na empresa.

“Conseguimos aumentar em R$ 90,00 os valores do cartão alimentação, indo de R$ 110,00 para R$ 200,00 durante toda a vigência do acordo. Os trabalhadores também receberão o 13º salário de forma integral”, destacou o presidente da entidade, Valmir Lodi, na ocasião.

Os dirigentes sindicais também destacaram que os profissionais que ficarem trabalhando de forma presencial não terão redução salarial devem receber férias de forma integral. No entanto, os que entrarem em layoff não terão esse direito. Já o 13° salário será pago na integralidade para todos, independente de estarem em lay off ou trabalhando.

“Qualquer Metalúrgico que for desligado da empresa neste período de Layoff vai receber uma multa a ser paga proporcionalmente ao valor do seu salário base”, destacou a dirigente do sindicato na Delga, Simone Peixoto.

As propostas apresentas pelo Sindicato foram aceitas pela ampla maioria da categoria de trabalhadores da Delga.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezoito + catorze =