Prefeitura de São Leopoldo repassa área do Centro de Eventos ao IFSul

A Prefeitura de São Leopoldo passou a área do Centro de Eventos, no bairro Fazenda São Borja, para o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul-Rio-Grandense (IFSul) para que possa instalar no local o IFSul Câmpus São Leopoldo. A assinatura da escritura ocorreu na sexta-feira (5) na sala de reuniões do gabinete do prefeito, no Centro Administrativo.

A área doada compreende 40 mil metros quadrados, sendo cerca de 7 mil metros de área construída. A Prefeitura havia adquirido o Centro de Eventos em 2011, por cerca de R$ 6 milhões.

Conforme o reitor do IFSul, Flávio Nunes – presente no evento, entre inúmeras outras autoridades e representantes de entidades -, o documento de dominialidade da área será encaminhado ainda nesta sexta-feira ao Ministério da Educação, em Brasília.

Depois, segundo Nunes, é necessária a portaria de criação oficial do IFSul Câmpus São Leopoldo, por parte do governo federal; a liberação de vagas para posterior concurso e a liberação do recurso para as adequações no Centro de Eventos e também a construção de um prédio, que comportará salas de aula, laboratórios, biblioteca e refeitório.

“A muitas mãos”

“Ter o Instituto Federal em São Leopoldo é uma realidade e um objetivo constituído a muitas mãos”, observou o prefeito Ary Vanazzi no ato da assinatura da escritura. Ele lembrou que para a conquista foi um longo caminho que agora se concretiza. “O comitê popular (criado para agilizar a vinda do IFSul) e a Câmara Temática da Indústria tiveram um papel importante na implantação”, disse. “Estamos reerguendo a cabeça com muito entusiasmo”, destacou Vanazzi, fazendo menção a tragédia climática de maio.

A assinatura da doação da área do Centro de Eventos, conforme Alexandre Pitol Boeira, responsável pela implantação do câmpus São Leopoldo, juntamente com André Capellão de Paula, é o primeiro passo mais efetivo para a criação do IFSul Câmpus São Leopoldo a partir do anúncio do Município ter sido escolhido para sediar uma das unidades há cerca de quatro meses.

5 novos institutos no RS

A abertura de novos institutos federais foi anunciada no dia 12 de março pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro da Educação, Camilo Santana, em Brasília. Dos 100 novos institutos federais anunciados, o Rio Grande do Sul, foi contemplado com cinco. Além de São Leopoldo, também receberão unidades Gramado, Porto Alegre, São Luiz Gonzaga e Caçapava do Sul.

Os institutos serão criados com os recursos do Novo Programa de Aceleração do Crescimento (Novo PAC). Dos R$ 3,9 bilhões a serem investidos em obras por meio do Novo PAC, R$ 2,5 bilhões serão para abertura dos novos institutos e R$ 1,4 bilhões para melhorias nos câmpus já existentes.

 

Fonte: Jornal Vale dos Sinos

Foto: Reprodução

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

17 − 8 =