Trabalhadores debatem o futuro da indústria no Fórum Social Mundial, em Porto Alegre

Na próxima quinta-feira (26), trabalhadores e representantes do Macrossetor Indústria da CUT, no qual a Confederação Nacional dos Metalúrgicos (CNM/CUT) faz parte, da IndustriALL-Brasil e do Instituto Trabalho, Indústria e Desenvolvimento (TID-Brasil) vão debater o futuro da indústria durante a programação do Fórum Social Mundial (FSM), em Porto Alegre. Quem quiser participar não precisa se inscrever. [link e endereço estão abaixo]

A atividade, que tem como tema “Indústria e Sustentabilidade”, será híbrida, com participação presencial na sede da CUT/RS, e via plataforma online Zoom. A programação vai das 14h às 18h e contará com a participação do Secretário Nacional do Meio Ambiente da CUT (Virtual), Daniel Gaio. O papo (Presencial) sobre os “Desafios da Indústria com menos carbono e energia renovável” será feito com o professor da Universidade Federal do RS, Junico Antunes. Já o tema “A Indústria sustentável na floresta do Amazonas” será trazido pelo Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas (Virtual), Valdemir Santana.

“Queremos debater o cumprimento da Agenda 2030, os objetivos de desenvolvimento sustentável”, explica o presidente da IndustriALL-Brasil, Aroaldo de Oliveira, que complementa:

“Precisamos articular de fato como pensar a política industrial e a reindustrialização com o olhar para essa nova indústria, sabendo que a economia tem que ter menos carbono e pensando no que precisamos discutir para construir essa nova reindustrialização. Falar de energias renováveis, pensar os impactos da produção industrial, os resíduos sólidos, todas essas questões”.

A coordenadora do Macrossetor da Indústria da CUT e presidenta da Confederação Nacional dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Ramo Vestuário da CUT (CNTRV), Cida Trajano, destaca que um dos pontos principais a ser debatido no evento será o plano Indústria 10+, um conjunto de diretrizes proposto pelo movimento sindical para orientar o governo nacional sobre a elaboração de políticas, programas e ações relativos ao desenvolvimento produtivo e tecnológico brasileiro para os próximos 10 anos.

“O plano passou por várias mãos, lideranças sindicais e políticas, Dieese, acadêmicos, e é uma forma da classe trabalhadora apontar caminhos para que o Brasil avance”, disse Cida.

O secretário-geral da CNM/CUT, Loricardo de Oliveira, considera que essa nova indústria no Brasil precisa, além de se atualizar tecnologicamente e respeitar o meio ambiente, colocar no centro dos debates a valorização do trabalho decente.

”Ter uma indústria que atinja realmente a quarta revolução industrial, a chamada Indústria 4.0, é também ter uma perspectiva de distribuição de renda para que as pessoas possam trabalhar menos e ter mais tempo para seu lazer e sua família”, afirma Oliveira.

Serviço:

Debate híbrido”Indústria e Sustentabilidade”
Data: 26 de janeiro de 2023
Horário: 14h às 18h

Presencial: na sede da CUT RS – R. Dr. Barros Cassal, 283 – Floresta, Porto Alegre – RS

Virtual: Acessar o link https://us02web.zoom.us/j/89447764637

Programação da mesa Indústria e Sustentabilidade

Local: Sede da CUT-RS e online via Zoom

14h00: Abertura:

Saudação aos participantes

Apresentação do tema e objetivo da atividade

Apresentação da programação

14h15: Saudação dos(as) representantes das entidades organizadoras:

Macrossetor da Indústria da CUT – Cida Trajano

IndustriALL-Brasil: – Aroaldo Oliveira

TID-Brasil: – Rafael Marques

14h30: Indústria e Sustentabilidade

Secretário Nacional do Meio Ambiente da CUT (Virtual) – Daniel Gaio

15h00: Desafios da Indústria com menos carbono e energia renovável

Professor – Junico Antunes: Universidade Federal do RS

15h30: A Indústria sustentável na floresta do Amazonas.

Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos do Amazonas (Virtual) – Valdemir Santana

16h00: Debates entre os participantes

16h30: Debate e considerações complementares dos oradores.

17h30: Agradecimentos e encerramento.

 

Fonte: CNM/CUT

Foto: Reprodução

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dezenove − 18 =

Whatsapp