Bolsonaro libera privatização dos parques nacionais mais visitados do Brasil

O presidente Jair Bolsonaro incluiu os três parques nacionais mais visitados do Brasil na lista de privatizações do Programa de Parcerias de Investimento (PPI), que estuda viabilidade de concessões. Sem apresentar justificativas, o presidente autorizou a desestatização do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses, no Maranhão, do Parque Nacional de Jericoacoara, no Ceará, e do Parque Nacional do Iguaçu, no Paraná, onde estão as cataratas do Iguaçu. Ricardo Salles, ministro do Meio Ambiente, tentou privatizar florestas em São Paulo, quando era secretário estadual.

O deputado federal Paulo Pimenta (PT-RS) criticou a privatização dos parques nacionais por Bolsonaro. “Não é por falta de recursos. Esses são três dos parques mais visitados do Brasil. É entreguismo puro e simples de um governo vendilhão e traidor”, escreveu nas redes sociais.

A deputada federal Margarida Salomão (PT-MG) disse que o governo não se preocupa com a preservação dos locais. “Esse é realmente um governo ultraliberal. Quer vender até nossos parques nacionais. Bolsonaro não tem qualquer pena do meio ambiente. Pouco se importa se a exploração dessas regiões será agressiva”, escreveu.

Os também deputados federais Camilo Capiberibe (PSB-AP) e Bira do Pindaré (PSB-MA) articulam uma audiência pública na Comissão de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável da Câmara, na próxima quinta-feira (5), as 9h, para debater a privatização dos parques nacionais. O encontro terá por mote a concessão do Parque Nacional dos Lençóis Maranhenses.

“A proposta do governo muito nos preocupa, pois pretende dar uma destinação econômica para as unidades de conservação do meio ambiente, atualmente controlados pelo Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade (ICMBio), sem se preocupar com os impactos ambientais e sociais da região”, justificam os deputados.

O Lençóis Maranhenses tem 155 mil hectares e abriga ecossistemas diversos e considerados frágeis, como a restinga e o manguezal. O local é conhecido pelo imenso campo de dunas que ocupa dois terços da área total parque. E que é o principal atrativo aos turistas devido às lagoas que se formam no período chuvoso na região. O parque está na divisa de três municípios maranhenses: Barreirinhas, Santo Amaro e Primeira Cruz.

O Parque Nacional do Iguaçu é considerado Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco e uma das Novas Sete Maravilhas da Natureza. Tem 185 mil hectares e foi criado há 80 anos. É uma das unidades de conservação com maior biodiversidade do país e recebe quase 2 milhões de visitantes por ano.

Já Jericoacoara (abaixo) é um parque com 8.850 hectares, que inclui a praia de mesmo nome, considerada uma das 10 mais bonitas do mundo. É o mais recente dos parques nacionais, tendo sido criado em 2002.

Fonte: Rede Brasil Atual

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois × 1 =