Trabalhadores da Gerdau aprovam prorrogação da fixação dos turnos

Com isso, a fixação acontecerá apenas no dia 1º de janeiro

 

Os trabalhadores e trabalhadoras da Gerdau, de Sapucaia do Sul, aprovaram a prorrogação da fixação dos turnos, com 54% dos votos.  A votação aconteceu ontem (1º), através do Sindicato dos Metalúrgicos de São Leopoldo e Região (STIMMMESL), devido à pandemia do novo coronavírus, o Covid-19. No total, houve 182 votos, sendo 54% (o que representa 99 votos) a favor da prorrogação e 46% (83 votos) contrários. 782 trabalhadores estavam aptos a participar da consulta, tendo 76,73% de abstenções, ou seja 600 trabalhadores não participaram.

A consulta questionava se os trabalhadores concordavam com a prorrogação da fixação dos turnos por mais seis meses. Com isso, a fixação que seria implantada no dia 15 de abril e já havia sido adiada em 90 dias, por causa da pandemia, será realizada apenas no dia 1º de janeiro de 2021.

No dia anterior à votação, terça-feira (30), os dirigentes sindicais que são trabalhadores da Gerdau realizaram uma live, na página da entidade no Facebook, para explicar aos trabalhadores a situação. A direção da empresa procurou o STIMMMESL apresentou a proposta de adiar a fixação dos turnos, diante disso, a entidade afirmou que a escolha seria dos trabalhadores.

Esta foi a segunda votação eletrônica da história do Sindicato e ocorreu para evitar as aglomerações numa assembleia.

 

Fonte: STIMMMESL

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

1 × dois =