Trabalhadores e trabalhadoras rejeitam proposta da patronal po unanimidade e tiram estado de greve

Na noite do dia 29 de julho as 18:30 na sede do sindicato dos metalúrgicos de São Leopoldo e região, rejeitaram por unanimidade a proposta que é muito inferior a que estamos reinvindicando.

Pois todos os trabalhadores(as) presentes sabem bem como a produção esta em alta e que a patronal pode melhorar esta proposta, fazendo com que os trabalhadores(as) sejam mais valorizados! Esteve presente na assembléia o tesoureiro da CUT Loricardo de Oliveira, asssim como todos os demais membros da nossa direção.

A assembléia também votou e aprovou o estado de greve,onde o presidente do sindicato conduziu a assembléia e que estará enviando o documento no dia 30 de julho fazendo o comunicado de ESTADO DE GREVE para a patronal.

 

 

Os trabalhadores(as) devem estar conscientes e preparados para as próximas paradas que se iniciaram na próxima semana,e que não serão até a hora da pegada como estavam sendo feitas até o dia 29 de julho, e sim com atraso, este o quanto for necessário para que possamos avançar ! Vamos a luta, unidos somos fortes!!

 

 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

dois + onze =